fbpx

teste

Prefeitura de Mauá possui leitos de UTI disponíveis para pacientes com Covid-19 no hospital Vital

A Prefeitura de Mauá assinou um convênio com hospital particular Vital para internar pacientes vítimas de coronavírus.

CLIQUE E OUÇA O PODCAST:

NOTA OFICIAL DA PREFEITURA DE MAUÁ:

“A Prefeitura de Mauá lamenta a morte da pacinte na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Barão de Mauá e presta todas as suas condolências aos familiares.

Informamos que a paciente já recebia atendimento em um leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) na UPA Barão de Mauá, entubada com respiradores, apresentando quadro agravado devido às comorbidades.

Vale frisar que uma transferência de um equipamento ao Hospital de Clínicas Doutor Radamés Nardini ou ao Hospital Estadual Mario Covas depende da sinalização do Cross (Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde) e também depende das condições clínicas para que a vida do paciente não seja colocada em risco.

No entanto, a paciente já se encontrava em leito de UTI da UPA Barão de Mauá, entubada com respirador, e dentro das condições clínicas, a mesma estrutura que foi ofertada no equipamento seria oferecida tanto no Hospital Nardini como no nosso Hospital Municipal de Campanha, o Cecco (Centro Especializado de Combate ao Coronavírus).

Sobre os leitos exclusivos a pacientes com a Covid-19, a taxa de ocupação na cidade é de 78%. Este dado equivocado de 100% de ocupação divulgado pelo SPTV foi um erro de comunicação entre o Consórcio Intermunicipal Grande ABC com a emissora de televisão, já que a entidade regional não tinha os dados atualizados sobre os novos números de leito de Mauá.
Temos ainda, por meio de parceria público-privada, 29 leitos no Hospital Vital, sendo cinco UTIs e 24 semi-intensivos, além do Cecco, com cinco UTIs e 25 semi-intensivos. A taxa de ocupação do Hospital de Campanha ainda não chegou a 20%.

Agradecemos a atenção.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.