Rádio Tour
COMPARTILHE COM:

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Início » Blog » Cidades » Grande ABC » Santo André » Moeda Verde chegou aos Núcleos Cruzado I e II

Moeda Verde chegou aos Núcleos Cruzado I e II

O programa que troca reciclável por alimentos já beneficiou mais de 47 mil habitantes

Na terceira fase da expansão do programa Moeda Verde forma trocados 461,6 Kg de lixo reciclável por 92 kg de alimentos hortifrútis. As comunidades contempladas nessa etapa foram os Núcleos Cruzado I e II. A atividade aconteceu, quinta-feira (25/04), na rua Gamboa com a rua Descampado e a partir de maio as trocas vão acontecer quinzenalmente às quartas-feiras, a partir das 14h, n o mesmo local.

A expectativa é atender mais de 3,5 mil habitantes no Cruzado I e II, totalizando 47 mil pessoas beneficiadas de forma direta e indireta, em todos os núcleos onde o Moeda Verde está presente. O prefeito de Sato André, Paulo Serra (PSDB) e o superintendente do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), Almir Cicote (Avante). “O Moeda Verde estará em 14 locais da cidade até o fim do ano e a nossa meta é estar nos 50 núcleos do município nos próximos cinco anos”, afirmou o prefeito.

 

Até o fim de 2019, o Moeda Verde vai chegar a outros núcleos de Santo André – Pintassilgo, Sorocaba, Espírito Santo, Missionário e mais um, cujo local ainda está em estudo. “Percebemos que as pessoas estão guardando os resíduos e participando cada vez mais das ações, melhorando a qualidade de vida das famílias”, disse o superintendente do Semasa, Almir Cicote.

Desde o início do programa, em 2017, já foram recebidas mais de 86 toneladas de lixo reciclável. Em troca, já foram doadas mais de 17 toneladas de alimentos às famílias participantes. O Moeda Verde é uma iniciativa pioneira e de sucesso que incentiva a troca de 5 kg de resíduos recicláveis por 1 kg de alimento do tipo hortifrúti (frutas, verduras e legumes). Também é ofertada uma hortaliça a todos os participantes.

O material recebido durante o Moeda Verde é encaminhado às cooperativas de reciclagem parceiras do Semasa. Os alimentos doados aos moradores são adquiridos por meio do Banco de Alimentos e também dos produtores rurais urbanos de Santo André, que fornecem todas as verduras distribuídas, gerando riqueza para a cidade, fazendo girar a economia local.

No hotsite do programa (www.semasa.sp.gov.br/moedaverde) é possível acessar as principais informações sobre as ações, verificar a agenda de trocas, balanço de resíduos recolhidos (por núcleo), fotos, entre outras informações.